31 de maio de 2020 Atualizado 21:09

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Assalto

Família de comerciantes é feita refém na Vila Amorim

Criminosos invadiram a casa enquanto as vítimas se preparavam para dormir; o veículo usado na fuga foi encontrado no Parque Gramado

Por Débora de Souza

30 dez 2019 às 15:44

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
O caso foi registrado na CPJ (Central de Polícia Judiciária)

Uma família de comerciantes foi feita refém durante assalto a residência na Vila Amorin, em Americana, na noite de domingo (29). Os assaltantes teriam entrado pulando o muro da casa vizinha, que estava vazia, e fugido levando pertences e carro de uma das vítimas. Até o momento, ninguém foi preso.

Segundo informações do boletim de ocorrência, dois indivíduos entraram na casa por volta das 23h50, estando um deles armado com revólver.

Ao entrarem na casa, eles renderam duas mulheres, de 27 e 29 anos, em um dos quartos da casa. A mãe, de 57, estava saindo do banho quando ouviu os gritos no quarto ao lado e foi rendida em seguida. O pai, de 62, que dormia em outro quarto, foi acordado mediante grave ameaça e levado até o cômodo onde estavam as outras vítimas.

A família foi mantida no quarto durante toda a ação, pelo indivíduo que estava armado, enquanto o segundo bandido recolhia objetos da casa. Uma das vítimas conta que os criminosos ordenaram que a família se trancasse em um dos banheiros da casa antes de fugirem.

“Eles amarraram a maçaneta da porta do banheiro com um fio [de varal] à maçaneta de outra porta para que a gente não conseguisse abrir a porta enquanto estivessem saindo da casa”, conta. A família conseguiu romper o fio e acionar a polícia momentos depois da fuga dos bandidos.

“É uma tristeza. Há dois meses fui assaltado da mesma forma em meu comércio e agora na minha casa”, lamenta o comerciante.

Foram levados dois aparelhos celulares, um projetor, um notebook, uma caixa de joias/ bijuteria, documentos pessoais, 15 relógios e R$ 200 em espécie, além de duas garruchas e um revólver calibre 38 de propriedade do comerciante. Eles fugiram levando o carro de uma das vítimas, um Ford Ka branco.

O veículo foi rastreado via celular e localizado próximo ao Cemitério Gramado, no bairro Parque Gramado, em Americana, sem a parte da frente do rádio. O caso foi registrado na CPJ (Central de Polícia Judiciária). Até o momento ninguém foi preso.