Ex-vereador Decinho Rosolen morre aos 57 anos

Ele estava internado no Hospital São Lucas, em Americana e faleceu neste domingo, no dia de seu aniversário


O ex-vereador de Americana Décio Rosolen Filho, conhecido como Decinho Rosolen, morreu na tarde deste domingo (13), no dia em que completava 57 anos de idade. Ele estava internado no Hospital São Lucas, sofreu uma hemorragia e não resistiu.

Foto: Reprodução
Decinho foi dono da cantina do colégio Dom Bosco e vereador em Americana entre 2001 e 2004

De acordo com familiares, o óbito ocorreu por volta das 17h deste domingo. Decinho foi vereador pelo PTB entre 2001 e 2004 e foi candidato ao legislativo americanense pelo PC do B em 2012 e 2016, partido ao qual ainda era filiado. Ele deve ser sepultado no Cemitério da Saudade, às 10 horas desta segunda-feira. Ainda não há horário definido para o início do velório.

Decinho ainda foi dono da cantina do colégio Dom Bosco, em Americana. “Um grande amigo, que nunca mediu esforços para ajudar nossa cidade. Americana perde muito com a partida desse nosso amigo”, afirmou o Secretário de Meio Ambiente de Americana, Odair Dias (PV), que era amigo de Décio.

“Decinho é uma grande perda para a cidade. Muito querido por muitos! Um homem que construía o PC do B de Americana, fará falta!”, afirmou ao LIBERAL a vereadora Maria Giovana (PC do B), do mesmo partido que Décio era filiado.

“É com grande tristeza que recebemos está notícia do falecimento do nosso camarada Decinho”, disse o presidente da sigla em Americana, Flávio Rogério Costa. O ex-vereador deixa esposa e três filhos.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora