19 de setembro de 2021 Atualizado 11:57

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

COVID-19

Enfermeira de 24 anos é a primeira vacinada em Americana

Dose foi aplicada em evento restrito no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, acompanhando pelo prefeito Chico Sardelli e pelo secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira

Por João Colosalle/André Rossi

21 jan 2021 às 17:48 • Última atualização 21 jan 2021 às 21:46

Americana aplicou nesta quinta-feira (21) a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no município. Quem recebeu a CoronaVac foi a enfermeira Helen Carolina Andrade de Souza, de 24 anos.

Outras quatro pessoas também foram vacinadas:
– Maria Ivone de Oliveira, técnica de enfermagem de 50 anos
– Ana Villa Chan, fisioterapeuta
– Adolfo Inácio dos Santos de Campos, servente hospitalar de 38 anos
– Humberto Sabbadim, médico emergencista de 58 anos.

A dose foi aplicada durante um evento restrito no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, acompanhando pelo prefeito Chico Sardelli e pelo secretário municipal de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira, que considerou o momento como um dos mais importantes de sua vida.

Nesta quinta, o município recebeu 3 mil doses da vacina, por meio do governo do Estado. A remessa chegou por volta de 12h à cidade.

A entrega foi feita na Vigilância Epidemiológica, acompanhada do secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira, e do vice-prefeito Odir Demarchi (PL).

A enfermeira Helen, primeira vacinada em Americana – Foto:

Os imunizantes contra o novo coronavírus serão destinados prioritariamente a profissionais de saúde que atuam na linha de frente de combate à pandemia.

De acordo com o secretário de Saúde, três mil profissionais de saúde serão vacinados neste momento. Algumas cidades, como Hortolândia, optaram por garantir as duas aplicações com as doses disponíveis.

O prefeito Chico Sardelli e o secretário de Saúde, Danilo Oliveira, com as doses da CoronaVac no Hospital Municipal – Foto:

“Recebemos o quantitativo de três mil doses. São três mil pessoas que serão vacinadas, visto que o Estado nos assegurou que está providenciando já a segunda dose”, apontou Danilo.

Na cidade, há 3.738 pessoas que se encaixariam na categoria de profissionais de saúde a serem imunizados. As três mil doses serão aplicadas diretamente nos locais de trabalho.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“Vai ter que ser feita a priorização da priorização. Minha equipe técnica já está em contato com os hospitais, para que a tenha as equipes que realmente estão na linha de frente”, ressaltou o secretário, mais cedo.  

Além de Americana, Santa Bárbara e Hortolândia também aplicaram as primeiras doses de CoronaVac.

Publicidade