21 de outubro de 2020 Atualizado 09:09

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

ABASTECIMENTO

Em meio a reclamações, DAE anuncia coletiva para explicar ‘questão da água’ em Americana

Anúncio ocorre após reclamações de moradores sobre falta d’água em diversos bairros nos últimos dias

Por João Colosalle

18 set 2020 às 11:05 • Última atualização 18 set 2020 às 16:22

O DAE (Departamento de Água e Esgoto) de Americana anunciou na manhã desta sexta-feira (18) uma coletiva de imprensa para “tratar a respeito da questão da água no município”.

O anúncio ocorre em meio a reclamações, durante toda a semana, de moradores de bairros diversos que relatam estarem sem água há dias.

O LIBERAL perguntou à assessoria de comunicação da prefeitura, que enviou o anúncio da coletiva de imprensa, se o assunto se tratava das reclamações de falta d’água, mas não houve resposta até a publicação desta reportagem.

Minutos antes de o convite para a coletiva ter sido enviado aos jornalistas, o LIBERAL questionou seguidores nas redes sociais sobre se ainda conviviam com a falta d’água na cidade.

FALTA D'ÁGUA: Seu bairro continua sem água? Conte pra gente nos comentários. Nesta semana, o LIBERAL mostrou que…

Publicado por O Liberal em Sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Em uma postagem na página do jornal no Facebook, moradores de ao menos 22 bairros comentaram estar com problemas no abastecimento.

Os bairros são: Cidade Jardim, São Manoel, Frezzarim, Residencial Jaguari, São Jerônimo, Jardim Ipiranga, Jardim Girassol, Jardim da Paz, Chácara Rodrigues, Jardim Brasília, Zanaga, Jardim Brasil, Mathiensen, Mário Covas, Parque da Liberdade, Parque Universitário, Cordenonsi, Vila Amorim, São Domingos, Parque Novo Mundo e Parque das Nações.

Na terça-feira, reportagem do LIBERAL mostrou que, em meio à pandemia e ao calor recorde dos últimos dias, parte da cidade convivia com as torneiras secas.

Dona de casa Luciane Gotardi relata situação no São Jerônimo – Foto: Marcelo Rocha – O Liberal.JPG

Moradores que procuraram o LIBERAL para relatar o problema reclamaram ainda de dificuldade para obter um posicionamento da autarquia sobre a situação.

A coletiva de imprensa está marcada para as 15h, na sede da autarquia.

Publicidade