Em Americana, 79 táxis são verificados pelo Ipem

Verificação periódica anual dos taxímetros não encontrou nenhuma irregularidade nos veículos da cidade; ação foi realizada na semana passada


Uma fiscalização do Ipem (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo) vistoriou 79 táxis de Americana durante a verificação periódica anual de taxímetro, realizada entre 4 e 6 de junho. Somados os 15 veículos da categoria verificados no plantão de março, a fiscalização na cidade está dentro do esperado.

Na verificação, os fiscais checam no aparelho de taxímetro itens como condições de conservação, operacionalidade, números de série e inventário, além do estado dos pneus e se o percurso está dentro da planilha estipulada pelo município.

O Ipem também exige a documentação atualizada, como alvará de estacionamento fornecido pela prefeitura, licenciamento do veículo, certificado de verificação do Ipem de 2018 e a GRU (Guia de Recolhimento da União) quitada.

Aos usuários, o Ipem indicou que é preciso observar a existência do lacre amarelo nos taxímetros. Isso impede o acesso à regulagem do aparelho.

“Caso o lacre esteja rompido, o consumidor não deve aceitar a corrida, pois o aparelho pode apresentar medição incorreta. Em alguns casos poderão ser encontrados com a etiqueta “verificado até 2018”, pois, o instrumento pode ser que ainda não tenha sido verificado, devido ao cronograma conforme o alvará”, explicou o instituto.

Irregularidades podem ser denunciadas por meio da Ouvidoria do Ipem, no 0800 013 05 22, ou por e-mail: ouvidoria@ipem.sp.gov.br.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora