DIG prende suspeito de roubar lanchonete na Cordenonsi

Ele também é acusado de participar de um roubo de veículo em Campinas, juntamente com outro indivíduo, que também já foi identificado pela polícia


Um homem suspeito de assaltar uma lanchonete na Vila Cordenonsi foi preso nesta terça-feira (21), após investigações da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Americana. O crime teria acontecido no dia 2 de janeiro deste ano, na Rua São Mateus. Ele também é acusado de participar de um roubo de veículo em Campinas, juntamente com outro indivíduo, que também já foi identificado pela polícia.

De acordo com o investigador da DIG Carlos André Caires, Rodrigo Galdino de Carvalho, de 40 anos, foi identificado após reconhecimento fotográfico e presencial. “A gente recebeu a informação de quem seria um possível autor. Com isso começamos a levantar algumas informações e chegamos a algumas fotos que seriam do suspeito por praticar o roubo”, explica.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Rodrigo Galdino de Carvalho, de 40 anos, foi identificado após reconhecimento fotográfico e presencial

Após a expedição do mandado de prisão temporária, os investigadores foram a um possível endereço de Rodrigo, na Rua São Simão, no mesmo bairro do crime, encontrando no local apenas uma mulher com quem ele teria mantido uma relação. Com a cooperação dela, os policiais chegaram a outro possível endereço, no Jardim Pérola, em Santa Bárbara d’Oeste. Neste local, o homem acabou capturado com o apoio da Guarda Municipal daquele município.

“Depois de preso, trouxemos ele e a vítima que já o havia reconhecido por fotografia confirmou pessoalmente também”, relata o investigador.

Na ocasião do assalto à lanchonete, Rodrigo teria simulado estar armado, levando R$ 267 do caixa e um veículo Chevrolet Corsa Pick-Up ano 2003. Ainda de acordo com o investigador, o homem estaria alcoolizado e também pode ter usado drogas antes da ação.

Outro crime

Rodrigo também foi reconhecido pessoalmente na tarde desta terça-feira pela vítima de um roubo praticado no dia 9 de janeiro no bairro Campos Elíseos, em Campinas.

O assalto aconteceu na Rua Ernesto Alves Filho. O indivíduo estava na companhia de outro suspeito e, armados com um revólver, eles ameaçaram a vítima subtraindo um celular, carteira com documentos, um tablet e o veículo dela, um Renault Sandero 2020. O automóvel era alugado, da empresa de locação de veículos Movida.

O rapaz detido deve permanecer preso preventivamente. A polícia pede para que, diante da suspeita de participação dele em outros crimes, a população procure fazer o reconhecimento oficial.

“A gente acredita que tem mais roubos dele aqui na região. Esses dois crimes são confirmados, mas há suspeita de outros”, diz Caires. Com relação ao segundo infrator, já identificado, ele deve ser capturado nos próximos dias, segundo o investigador.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora