26 de fevereiro de 2021 Atualizado 18:29

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

ABASTECIMENTO

DAE de Americana pede autorização para captar mais água do Rio Piracicaba

Cidade tem outorga para 1.050 litros por segundo e pleiteia ampliação para 1.350

Por André Rossi

05 fev 2021 às 07:20 • Última atualização 05 fev 2021 às 08:41

O DAE (Departamento de Água e Esgoto) de Americana pediu autorização ao DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) para que possa captar mais água do Rio Piracicaba. A informação é do superintendente da autarquia, Carlos Cezar Gimenez Zappia.

A solicitação foi feita no final do ano passado, mas ainda não houve resposta por parte do órgão estadual. O município tem autorização para captar 1.050 litros por segundo, o que é insuficiente nos dias mais quentes e em períodos de seca.

O pedido é para que o limite seja ampliado para 1.350 litros por segundo. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (4), na câmara, Zappia disse que a ideia não é, necessariamente, utilizar todo o volume constantemente, e sim quando a temperatura estiver muito elevada, o que impacta no consumo.

“Os 1.050 litros não dão conta. O consumo passa de 1.200. Então nós pedimos uma ampliação para que a gente possa, nesses momentos de alta temperatura, não precisa ser o tempo todo, que a gente consiga captar um pouco mais e atendar a demanda naquele momento”, detalhou Zappia.

Não há um prazo para o DAEE se manifestar sobre a ampliação da outorga. O superintende aponta que o prefeito Chico Sardelli (PV) está tentando negociar para viabilizar a autorização.

“Temos que aguardar. O prefeito Chico Sardelli está agindo, tem uma penetração muito boa nessas áreas, então está se empenhando para que a gente consiga respostas rápidas. Pode ser até que o que a gente solicitou não seja concedido nesses valores, pode ser outros, ou até não acontecer”, comentou Zappia.

Publicidade