22 de maio de 2022 Atualizado 12:12

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Chico Sardelli defende manter tarifa de ônibus a R$ 4,70

Empresa que opera o transporte em Americana defende reajustar o valor da passagem para R$ 10,24

Por Rodrigo Alonso

14 Maio 2022, às 10h27

Prefeitura estuda aumentar subsídio à concessionária para segurar o aumento na tarifa dos ônibus - Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Após ter recebido um pedido da Sou Americana para aumento da tarifa do transporte coletivo para R$ 10,24, o prefeito de Americana, Chico Sardelli (PV), afirmou nesta sexta-feira que defende a manutenção do preço em R$ 4,70.

A alternativa estudada pela prefeitura é aumentar o valor do subsídio de uma forma que não haja reajuste na tarifa. Segundo o mandatário, a administração está nas “contas finais” para definir qual seria esse aumento.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Hoje, o Executivo paga à empresa R$ 0,55 por passageiro que faz uso de tarifa integral e R$ 0,27 por usuário com desconto tarifário. O valor total, então, varia de acordo com o número de passageiros, até um teto de R$ 150 mil mensais.

Conforme o LIBERAL noticiou na última quinta, a prefeitura já pagou R$ 1,9 milhão de subsídio à Sou Americana. O montante se refere a abril de 2021, 1º mês de pagamento, até o mês passado.

Na última segunda, o proprietário da Sancetur, concessionária que opera o transporte por meio da Sou Americana, Marco Antônio Chedid, disse ao LIBERAL que pretende acionar a Justiça caso o Executivo não aumente o subsídio ou não atenda o pedido em reajustar a tarifa para R$ 10,24.

“É direito dele apelar caso se sinta com algum problema no contrato vigente”, comentou Chico. Apesar de não ser favorável ao reajuste, o prefeito reconheceu que a realidade atual, exige adequação.

“Eu vejo que um aumento se faz necessário, mas eu sempre disse que eu gostaria que esse aumento não atingisse diretamente aqueles que pagam. E, não querendo isso, a possibilidade é discutir um aumento no subsídio”, declarou.

Publicidade