17 de abril de 2021 Atualizado 20:13

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Buracos em rua causam reclamações no Jardim da Mata

Moradora conta que buracos foram consertados outras vezes ainda neste ano, mas problema voltou a aparecer

Por Natália Velosa

08 jun 2020 às 16:10 • Última atualização 08 jun 2020 às 20:47

A Rua da Madeira, na altura do número 207, no Jardim da Mata, em Americana, vem sendo motivo de reclamações por estar em más condições e com buracos no asfalto.

De acordo com a dona de casa Loide Rodrigues de Souza, de 44 anos, já foram feitas outras manutenções na via ainda neste ano, mas os buracos voltam a aparecer no mesmo local.

A munícipe conta que já teve um pneu do seu carro furado ao passar por eles, já que não tem como evitá-los para entrar na garagem de sua casa.

Moradora já teve pneu do carro furado em buracos da Rua da Madeira – Foto: Divulgação

“Eu e meus vizinhos acreditamos que não é um serviço da melhor qualidade, porque a prefeitura conserta e logo já aparece o buraco de novo, principalmente por passar ônibus nessa rua”, reclamou Loide.

Além disso, outro problema relatado foi o acúmulo de água quando chove e de um vazamento ali existente. “Tem uma água que está descendo na rua há quatro dias, que é de um vazamento ocorrendo mais para cima, mas está empoçando o buraco”, relatou.

A Prefeitura de Americana foi questionada, mas não respondeu ao LIBERAL sobre quais medidas seriam tomadas.

*Estagiária, sob supervisão de Guilherme Magnin.

Podcast Além da Capa
A relação de Americana com Santo Antonio, o padroeiro da cidade, completa 120 anos em 2020, mas a festividade em torno da data foi forçada a ser revista por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Desde o início da quarentena, em março, as missas realizadas na Basílica não contam com a presença de fieis mas o contato é mantido por transmissões pelo Facebook. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com o administrador paroquial da basílica, o padre Valdinei Antonio da Silva. A necessidade do cancelamento de outros eventos da comunidade católica, como as festas de São João de Carioba e do Senhor Bom Jesus, também é abordada com os padres Marcos Ramalho e Marcelo Fagundes.

Publicidade