08 de agosto de 2020 Atualizado 20:21

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Educação

Atrasada há oito meses, creche do Jardim Boer fica para 2021

Secretaria de Educação do Estado advertiu empresa por conta do atraso na obra, que está 61% concluída

Por André Rossi

15 jul 2020 às 08:59 • Última atualização 15 jul 2020 às 10:25

Prevista para ser entregue em novembro de 2019, a Creche Escola do Jardim Boer 1, em Americana, só deve ficar pronta no primeiro trimestre de 2021. A obra é do Governo do Estado, que diz ter advertido a empresa responsável pela execução devido ao atraso e pelo “ritmo lento”.

Anunciada em 2018, a unidade é construída na Rua Glória por meio do Programa Creche Escola, parceria entre os governos estadual e municipal e o FDE (Fundo de Desenvolvimento da Educação). Depois de concluída, será administrada pela prefeitura.

Obras começaram em 17 de janeiro de 2019 no local e não acabaram – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal_10.7.2020

As obras tiveram início em 17 de janeiro de 2019 sob responsabilidade da empresa Conaj Empreendimentos e Construções, de Campinas. A expectativa da Secretaria de Educação do Estado era de que o trabalho fosse finalizado em dez meses.

Pelo planejamento, a creche poderia receber matrículas para o ano letivo de 2020. Porém, segundo a secretária de Educação de Americana, Evelene Ponce Medina, o atraso impossibilita até mesmo que a unidade entre para o cronograma do início de 2021.

“Justamente por sabermos que não iria ser entregue. O Estado pediu oficialmente, há algum tempo, a prorrogação do prazo para o primeiro trimestre do próximo ano”, contou Evelene.

Questionada sobre o atraso, a Educação do Estado informou que a Conaj foi advertida pelo FDE por conta do atraso na execução da obra e pelo ritmo lento. O convênio segue vigente até abril de 2021.

“Atualmente a execução do serviço está em 61%, porém a empresa deverá, no prazo mais breve possível, regularizar os trabalhos e superar os atrasos, sem prejuízo a qualidade do serviço”, disse o governo paulista.

Quando ficar pronta, a creche atendará 130 crianças com até cinco anos de idade. São sete salas, dois berçários, fraldário e lactário. O investimento é de R$ 1,7 milhão via repasse estadual, que foi intermediado pelo ex-deputado estadual Chico Sardelli (PV).

Outro lado
O LIBERAL tentou entrar em contato com a Conaj, mas as ligações no telefone fixo caíam direto na caixa postal e não houve retorno ao e-mail enviado na segunda-feira.

Podcast Além da Capa
Totalmente paralisado na região desde o início da quarentena de combate ao novo coronavírus, o setor de eventos ainda está “no escuro” sobre quando as atividades poderão ser retomadas, ainda que de forma parcial. Além da indefinição, uma série de dificuldades surgiram por conta da situação. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com o repórter André Rossi sobre o panorama do segmento em Americana e região.