Apae de Americana suspende atendimentos

Medida foi adotada para proteção de alunos e funcionários da entidade; são mil matriculados, desde o nascimento até a terceira idade


A Apae (Associação Pais e Amigos dos Excepcionais) de Americana suspendeu todas as atividades para conter a circulação do coronavírus (Covid-19). A entidade tem mil alunos matriculados, entre recém-nascidos e terceira idade, com um fluxo de 127 profissionais.

A medida foi adotada, segundo a associação, para proteção do público atendido, já que boa parte pode apresentar vulnerabilidade à doença.

Foto: João Carlos Nascimento - O Liberal
Apae de Americana suspendeu os atendimentos por conta do coronavírus

Segundo comunicado oficial da entidade, até sexta-feira (20) haverá a suspensão gradativa dos alunos na Escola de Educação Especial da Apae. A partir do dia 23 de março, as aulas serão suspensas por tempo indeterminado.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

Além da parte educacional, também estão suspensos atendimentos de assistência social e saúde.

O Centro Dia e o Serviver interromperam atendimento nesta terça-feira (17). Os serviços de saúde, como clínica e estimulação, serão suspensos a partir de quarta-feira (18). Já os atendimentos e Integração Sensorial, Pediasuit e Therasuit estarão suspensos a partir de segunda-feira (23).

O Mercado de Trabalho Emprego Apoiado e o Bazar estão com atendimentos suspensos por tempo indeterminado. A recepção da Apae estará atendendo, a partir de segunda-feira, das 9h às 15h.

Mais informações podem ser obtidas pelo WhatsApp (19) 99285.1647.

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

A edição desta semana do podcast “Além da Capa” fala sobre a pandemia do Covid-19, o novo coronavírus, e seus impactos nas cidades que fazem parte da RPT (Região do Polo Têxtil). Ouça:

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora