Aluna com faca motiva reforço na segurança em escola

Caso ocorreu na última terça-feira, na Escola Estadual Professor Octávio Soares de Arruda, em Americana; direção não comentou o fato


A escola estadual Professor Octávio Soares de Arruda, em Americana, reforçou a segurança após uma aluna do 7º ano entrar na instituição de ensino na última terça-feira portando uma faca. O LIBERAL apurou que o objetivo da adolescente seria ferir uma colega de classe.

O LIBERAL quer saber sua opinião sobre o nosso portal. Acesse o questionário online e nos ajude a melhorar. CLIQUE AQUI PARA RESPONDER A PESQUISA.

A direção da unidade não quis comentar o fato, mas a Secretaria Estadual da Educação confirmou a ocorrência e informou que a escola adotará medidas para evitar novas situações que possam comprometer a segurança de funcionários e alunos.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Secretaria disse que a direção da escola chamou os responsáveis pela estudante e encaminhou o caso ao CAPS

O episódio não foi o único ocorrido na unidade de ensino. Na última semana, um aluno expulso conseguiu novamente acesso à unidade. Vestido de uniforme, ele teria entrado e só foi percebido pelo professor quando já estava na sala.

A Secretaria Estadual de Educação informou em nota que o jovem foi identificado antes de entrar em sala de aula e encaminhado para a diretoria. Ainda de acordo com a secretaria, a polícia foi acionada e a escola registrou Boletim de Ocorrência.

Sobre o caso da aluna, a secretaria disse que a direção da instituição de ensino chamou os responsáveis pela estudante e encaminhou o caso ao CAPS (Conselho Tutelar e ao Centro de Apoio Psicossocial).

As duas situações foram comunicadas à comunidade escolar, em reunião de pais realizada na última quarta-feira. Na ocasião, foram anunciadas as medidas de segurança, como a confecção de carteirinhas de estudantes para serem apresentadas na entrada da unidade, reforço no muro e a instalação de um portão com fechadura automática.

A Secretaria Estadual de Educação informa que as medidas são pontuais e referem-se apenas à unidade onde os fatos ocorreram. Segundo o órgão, cabe a cada escola discutir com a comunidade onde está inserida as medidas necessárias para ampliar a segurança de seus funcionários e alunos.

Ronda

A iniciativa do governo estadual quanto à segurança das unidades se refere ao programa Ronda Escolar. Em Americana, está sendo concluído mapeamento das condições de segurança e peculiaridades das escolas.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora