Acidente na Rodovia SP-304 deixa dois mortos

Diogo Souza da Silva e Deivid Miguel Barbosa não resistiram aos ferimentos e morreram; acidente aconteceu na altura do quilômetro 130, em Americana


O acidente que aconteceu na noite desta quinta-feira (9) na Rodovia Luiz de Queiroz (SP-304) matou dois, dos três homens envolvidos na colisão. Diogo Souza da Silva, de 34 anos, e Deivid Miguel Barbosa, de 18 anos, não resistiram aos ferimentos e morreram.

O terceiro envolvido estava em estado grave e foi encaminhado Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, em Americana. Ele está internado na sala de emergência do hospital, com quadro clínico estável, e aguardava nova avaliação médica para ser transferido ao município de Santa Bárbara d’Oeste.

Foto: Facebook / Reprodução
Deivid Miguel Barbosa

O acidente aconteceu na altura do quilômetro 130, em Americana, por volta das 22h10. As informações são do 4º BPRv (Batalhão da Polícia Militar Rodoviária).

De acordo com a PMR, um Fiat Doblò, que era dirigido pelo vendedor Deivid Miguel Barbosa, invadiu a pista sentido Rodovia Anhanguera (SP-330) na contramão, por motivo desconhecido pela polícia, e se chocou de frente com um Chevrolet Meriva. Ambos ficaram destruídos.

Foto: Facebook / Reprodução
Diogo Souza da Silva

O motorista da Meriva, o professor de educação física Diogo Souza da Silva, foi o último a ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros, que precisou remover o teto do automóvel para retirá-lo. Ele morreu no local.

Deivid, que não era habilitado, e o passageiro do Doblò chegaram a ser socorridos e levados ao Hospital Municipal de Americana. Deivid não resistiu e morreu, enquanto o passageiro segue internado na unidade.

Devido ao acidente, ainda segundo a PMR, a via no sentido leste ficou interditada das 22h10 às 01h15. Houve congestionamento de, pelo menos, quatro quilômetros, conforme relato de um funcionário do DER (Departamento de Estradas de Rodagem).

Foto: Rodrigo Alonso / O Liberal
Doblò atravessou a pista e acertou o Meriva que vinha no sentido contrário

Morador do Jardim Belo Horizonte, em Santa Bárbara d’Oeste, Deivid Miguel Barbosa será velado no Berto Lira e sepultado no Cemitério da Paz neste sábado, às 10h.

Já o educador físico Diogo Souza da Silva será sepultado ainda nesta sexta-feira, às 17h, no Cemitério Parque Gramado, em Americana. Ele deixa a esposa, Suzana, e uma filha.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora