‘Vamos analisar cada serviço e decidir se o melhor é privatizar’ afirma Chequer

Rogério Chequer, candidato do Novo ao governo de São Paulo, concedeu entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. Confira…


Rogério Chequer, candidato do Novo ao governo de São Paulo, concedeu entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. Confira abaixo os principais trechos.

O Novo não fez coligações. Sua gestão abrirá espaço para a atuação de outros partidos?

Pode ter gente de qualquer partido desde que esteja alinhado com o nosso programa, sejam competentes como administradores públicos, íntegros e não misturem partidarismo na administração. Eu não vou misturar, eles muito menos podem fazer isso. Não haverá influência partidária na minha gestão.

Quais as possíveis privatizações no seu eventual governo?

Nosso objetivo é melhorar os serviços oferecidos e vamos analisar cada um deles para avaliar se a melhor solução é fazer uma parceria com o setor privado, criar uma concessão, privatizar, desmembrar uma empresa para depois privatizar. Cada caso é diferente e só conheceremos cada um quando estivermos lá dentro. No caso do metrô o objetivo não é privatizar, mas acelerar a construção de linhas.

É possível que o metrô funcione totalmente por concessões?

Sim, operado via parceria com a iniciativa privada.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.R

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!