07 de julho de 2020 Atualizado 21:53

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Política

OAB-SP lança movimento pela democracia

Por Agência Estado

06 jun 2020 às 08:33 • Última atualização 07 jun 2020 às 13:29

A seção de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP) lançou ontem o “Movimento Democracia Sempre”. O anúncio, feito virtualmente pelo presidente da OAB-SP, Caio Augusto Silva dos Santos, recebeu apoio do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), do presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Eduardo Tuma (PSDB), e de representantes do Ministério Público Estadual e do Tribunal de Contas Estadual, entre outros.

“Estaremos ao lado da OAB, ao lado de todas as instituições e brasileiros que, aqui de São Paulo, dirão um não a qualquer movimento autoritário ou qualquer movimento que busque um regime ditatorial no País”, afirmou Doria. Ele também criticou a atuação de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro em manifestações recentes.

Eduardo Tuma, que representou o prefeito Bruno Covas (PSDB), também endossou a iniciativa. “A Câmara Municipal se sente honrada de participar na defesa da democracia”, afirmou o vereador, que também se manifestou contra a prorrogação de mandatos e o adiamento das eleições municipais de 2020.

Em texto lido durante a transmissão, a OAB-SP afirmou que “o Movimento Democracia Sempre será um observatório, um escudo aos retrocessos civilizatórios e um núcleo de defesa contra todas as ameaças antidemocráticas, por meio do qual serão reiteradamente reafirmados o dever e a responsabilidade de defesa das mensagens #DemocraciaSempre e #AutoritarismoNão”.

A OAB-SP elabora um documento para formalizar o movimento. O lançamento acontece no momento em que uma onda de manifestos assinados por personalidades brasileiras de diferentes setores da sociedade em defesa da democracia e em oposição ao presidente Jair Bolsonaro ganha volume.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.