Brasil comunicou EUA sobre caso de coronavírus em comitiva

Secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten, esteve com Trump nos EUA, mas presidente norte-americano disse não estar preocupado


O governo brasileiro comunicou às autoridades dos Estados Unidos sobre o diagnóstico positivo de coronavírus para o secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten. De acordo com nota divulgada pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República, a ocorrência do evento foi comunicada para que as autoridades americanas “adotem as medidas cautelares necessárias.”

Foto: Isac Nóbrega / PR
Donald Trump esteve com secretário de Bolsonaro que agora está com coronavírus

Fábio Wajngarten foi diagnosticado com coronavírus após exames realizados em São Paulo confirmarem a infecção. A informação, antecipada pelo jornal O Estado de S.Paulo, foi confirmada pelo Palácio do Planalto no início da tarde desta quinta, 12. O secretário integrou a comitiva brasileira que esteve com o presidente Donald Trump, o qual declarou “não estar preocupado” com a notícia.

Ainda de acordo com o comunicado, o Serviço Médico da Presidência da República “adotou e está adotando todas as medidas preventivas necessárias para preservar a saúde do Presidente da República e de toda comitiva presidencial que o acompanhou em recente viagem oficial aos Estados Unidos, bem como dos servidores do Palácio do Planalto”.

Segundo a secretaria, Wajngarten está em quarentena domiciliar e cumpre todas as recomendações médicas. O secretário só deve retornar ao trabalho quando não houver risco de transmissão da doença.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora