Nova York quer expandir de 53 mil para 110 mil leitos nos hospitais


O governador do estado de Nova York, Andrew Cuomo, disse hoje que pretende expandir em 100% a capacidade de leitos dos hospitais de Nova York, dos atuais 53 mil para 110 mil. “Este é o número que vamos precisar”, afirmou a autoridade durante entrevista coletiva, em meio a disseminação do novo coronavírus (Covid-19).

Cuomo acrescentou que se todos os hospitais dobrarem sua capacidade, “conseguiremos atingir este número”. No entanto, ele mesmo reconheceu que para alguns hospitais de certas regiões será mais difícil dobrar o número de leitos, afirmando que o ideal então é aumentar ao menos em 50% os leitos totais, “para que consigamos chegar ao menos a 75 mil leitos, dos 110 mil necessários”.

O governador de Nova York disse ainda que todas as cirurgias eletivas estarão canceladas a partir da próxima quarta-feira, “para que os hospitais tenham mais leitos disponíveis”. Segundo ele, o governo criará mais leitos também em hotéis e em asilos. “Este é um papel do estado e não somente um papel federal. Somos responsáveis pela população e estamos fazendo tudo o mais rápido possível”, disse.

Contato: niviane.magalhaes@estadao.com

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora