Milhares voltam às ruas de Hong Kong em marcha pró-democracia


Milhares de pessoas, entre as quais professores e estudantes, retornaram às ruas de Hong Kong neste sábado para se manifestar pela democracia na comunidade autônoma. Os manifestantes pedem a renúncia do líder local, eleições democráticas e investigação independente sobre o uso de violência pela polícia para dispersar os protestos.

Esta é a 10ª semana de manifestações, que ganharam apoio também na Austrália. Em Melbourne, manifestantes pró-democracia em Hong Kong saíram às ruas. Também foi realizada uma marcha pró-governo chinês em Sydney. Em Melbourne, a polícia teve de intervir para separar cerca de cem manifestantes pró-China de outros simpáticos aos protestos em Hong Kong.

Ao longo do dia, cidadãos também saíram às ruas do território autônomo em apoio ao governo de Pequim. À noite (horário local), a polícia de Hong Kong foi acionada para conter manifestantes que se reuniam do lado de fora de uma delegacia e atiraram ovos nos policiais que guardavam a entrada. A maioria dos participantes do protesto já havia ido embora no momento do confronto, o que levou moradores locais a gritar contra a polícia e acusar os oficiais de pertencerem a gangues criminosas. Fonte: Associated Press.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora