14 de abril de 2021 Atualizado 00:09

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Mundo

China e Irã assinam acordo estratégico de 25 anos, em meio a sanções dos EUA

Por Agência Estado

27 mar 2021 às 15:15 • Última atualização 27 mar 2021 às 16:48

Irã e China assinaram neste sábado (27) um acordo de cooperação estratégica de 25 anos abordando questões econômicas, enquanto os dois países são alvos de sanções dos Estados Unidos, informou a TV estatal iraniana. Batizado de Parceria Estratégica Abrangente, o acordo cobre uma variedade de atividades econômicas, de petróleo e mineração à promoção da atividade industrial no Irã, bem como transporte e colaborações agrícolas, de acordo com o relatório.

Nenhum detalhe adicional do acordo foi revelado quando o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, e seu homólogo chinês Wang Yi, participaram de uma cerimônia que marcou a assinatura.

O acordo marcou a primeira vez que o Irã assinou um acordo tão abrangente com uma grande potência mundial. Em 2001, o Irã e a Rússia assinaram um acordo de cooperação de 10 anos, principalmente no campo nuclear, que foi estendido para 20 anos por meio de duas extensões de cinco anos.

O tratado, que vinha sendo discutido desde 2016, também apoia o turismo e o intercâmbio cultural. Ele acontece no 50º aniversário do estabelecimento de relações diplomáticas entre a China e o Irã.

O Irã e a China realizaram cerca de US$ 20 bilhões em comércio anualmente nos últimos anos. O valor representa uma queda em relação a quase US$ 52 bilhões em 2014, no entanto, devido à queda nos preços do petróleo e às sanções dos EUA impostas em 2018 depois que o então presidente Donald Trump retirou os EUA unilateralmente de um acordo nuclear entre o Irã e as potências mundiais, dizendo que precisava ser renegociado. Fonte: Associated Press.

Publicidade