Brexit: Merkel e Johnson estudam saída negociada


A chanceler alemã, Angela Merkel, e o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, consideraram ontem a possibilidade de uma saída negociada do Reino Unido da União Europeia.

Merkel sugeriu um acordo para o Brexit em 30 dias, definido por Johnson como “prazo incandescente”. O premiê ainda reconheceu que o “ônus” para uma saída negociada está com o Reino Unido. O Brexit será cumprido em 31 de outubro e até ontem Johnson não descartava uma possível ruptura sem negociação. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora