19 de abril de 2021 Atualizado 12:05

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Mundo

Argentina: Câmara aprova projeto que reduz imposto para incentivar consumo

Por Agência Estado

28 mar 2021 às 19:34 • Última atualização 29 mar 2021 às 07:28

São Paulo, 28/03/2021 – A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou na manhã deste domingo o projeto de reforma do imposto sobre salários, que isenta mais de 1 milhão de trabalhadores do pagamento do tributo, com o objetivo de estimular o consumo, informou a imprensa argentina. A sessão parlamentar durou mais de 20 horas. A proposta recebeu 241 votos a favor, nenhum contra e três abstenções. O projeto deve ser debatido no Senado a partir de terça-feira, conforme o Clarín.

Ainda de acordo com o jornal, a proposta apresentada pelo presidente da Câmara, Sergio Massa, eleva o piso do imposto a 150 mil pesos para os assalariados e de 6 para 8 salários mínimos para os aposentados. O benefício alcançaria 1,267 milhão de argentinos.

O segundo vice-presidente da Câmara, José Luis Gioja, disse que, se antes 1 em cada 4 trabalhadores pagava o tributo, com a mudança apenas 7% passarão a pagá-lo, de acordo com o La Nación.

Conforme o mesmo jornal, o custo fiscal da reforma foi estimado em 48 bilhões de pesos e será financiado com aumento do consumo e mais um imposto sobre empresas, que começará a ser discutido nas próximas semanas.

Publicidade