Volume exportado cai 11,7% em novembro, diz FGV; importações diminuem 10,9%


As exportações brasileiras recuaram 11,7% em volume em novembro de 2019 ante novembro de 2018. Já as importações diminuíram 10,9%. Os dados são do Indicador do Comércio Exterior (Icomex), divulgado nesta quarta-feira, 18, pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

Em termos de preços, as exportações recuaram 5,4% em novembro deste ano ante novembro do ano passado, enquanto as importações caíram 5,6%.

O saldo comercial acumulado de janeiro a novembro foi de US$ 41 bilhões. De janeiro a novembro, o volume exportado encolheu 2,0% em relação ao mesmo período do ano anterior. O volume importado cresceu 2,3%.

Quanto aos preços, as exportações diminuíram 4,8% de janeiro a novembro, ao mesmo tempo em que as importações caíram 4,2%.

Segundo a FGV, as commodities, que explicam cerca de 60% do valor exportado pelo Brasil, cresceram 1,8%, em termos de volume, mas seus preços caíram 4,6% no acumulado de janeiro a novembro. As exportações de não commodities recuaram 7,0% em volume e tiveram queda de 5,3% nos preços no mesmo período.

“Num cenário de incertezas, que se reflete na instabilidade cambial, os momentos de desvalorização cambial não têm impulsionado as exportações ou retraído as importações. Sabe-se que os efeitos das mudanças cambiais demoram a se fazer presentes, mas no incerto cenário atual mundial e do Brasil, essa demora se estende por um tempo mais longo”, lembrou Lia Vals, pesquisadora do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV), em nota oficial.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora