Redesenho do pacto federativo vai trazer ‘muito dinheiro’ a Estados, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira, 27, que o Regime de Recuperação Fiscal (RRF) dos Estados, lançado…


O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira, 27, que o Regime de Recuperação Fiscal (RRF) dos Estados, lançado no governo Temer, não funcionou. Ele voltou a prometer um novo programa de socorro aos governos estaduais.

“O RRF foi usado apenas em um lugar (Rio de Janeiro) e não deu certo. O programa é pouco potente. Vamos fazer o nosso próprio programa”, afirmou Guedes, em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado. “O redesenho do pacto federativo vai trazer muito dinheiro aos Estados”, prometeu.

Guedes voltou a tomar uma “bronca” do presidente da CAE, senador Omar Aziz (PSD-AM), sobre o tempo usado nas respostas. “O senhor não estourou o tempo, o senhor saiu de 9 para 22 minutos. Se a economia for assim também, sair de 9 para 22, tudo bem”, brincou o Senador.

“Se os senhores não votarem, vamos ficar só no papo”, respondeu Guedes.

Previdência

O ministro da Economia disse na audiência na CAE do Senado que todos os governadores estão a favor da reforma da Previdência porque as despesas com inativos nos Estados segue a dinâmica explosiva.

Ele voltou a afirmar que há risco de os servidores ficarem sem salários, caso a proposta não seja aprovada. “Não é ameaça. A máquina pública brasileira vai implodir, e é muito rápido”, disse.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora