06 de março de 2021 Atualizado 19:05

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Economia

Mudança climática pode impor ameaça severa à estabilidade financeira, diz BCE

Por Agência Estado

05 fev 2021 às 14:09 • Última atualização 05 fev 2021 às 14:47

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, destacou os riscos das mudanças climáticas, que segundo ela são uma questão importante para seu mandato. Em carta datada desta sexta-feira, 5, a Markus Ferber, integrante do Parlamento Europeu, a autoridade aponta que a escala e a irreversibilidade das consequências relacionadas exigem “ação imediata” de todos os responsáveis, em suas áreas de competência. “A mudança climática pode afetar nossa economia de modos que poderiam representar uma ameaça severa à estabilidade de preços e financeira no médio e no longo prazo, especialmente se não for enfrentada no tempo adequado e de modo satisfatório”, argumenta.

Lagarde diz também no documento, divulgado pelo BCE, que as mudanças climáticas podem levar a riscos financeiros, o que pode ter implicações para o gerenciamento de riscos.

Aponta ainda que a alta nas temperaturas e desastres naturais mais frequentes podem ter consequências na inflação e, consequentemente, na taxa de equilíbrio nos juros.

A presidente do BCE afirma que a instituição monitora riscos com o clima para instituições bancárias e não bancárias, além de defender avanços nos mercados financeiros sustentáveis e verdes, que podem ajudar a avançar nessa frente.

Publicidade