23 de janeiro de 2021 Atualizado 18:41

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Economia

Média de tempo de transações do PIX deve estar entre 2 e 3 segundos, diz BC

Por Agência Estado

27 nov 2020 às 13:27 • Última atualização 27 nov 2020 às 15:18

O diretor de Organização do Sistema Financeiro do Banco Central, João Manoel Pinho de Mello, afirmou nesta sexta-feira, 27, que a média de tempo nas operações com o PIX – o sistema brasileiro de pagamentos instantâneos – nas últimas semanas “deve estar entre 2 e 3 segundos”.

Lançado em 16 de novembro, o PIX permite pagamentos e transferências 24 horas por dia, 7 dias por semana, todos os dias do ano.

Contas em QR Code

O diretor de Organização do Sistema Financeiro do Banco Central afirmou que “provavelmente, já em janeiro, as contas de luz virão com QR Code do PIX”. Esta será mais uma facilidade para pagamento de contas ligadas ao novo sistema instantâneo.

Sistema financeiro

O diretor do Banco Central afirmou ainda que a “solidez do sistema financeiro é condição necessária para o crescimento econômico”. No evento em São Paulo, ele disse também que o sistema financeiro brasileiro sobreviveu “praticamente incólume” ao choque econômico provocado pela covid-19 e à crise global de 2008.

Pinho de Mello participa nesta sexta do “Almoço-Debate Lide” sobre o PIX, organizado pelo Lide – Grupo de Líderes Empresariais.

Publicidade