Maioria das Bolsas da Europa fecha em alta com conversas EUA-China

Os mercados acionários da Europa fecharam majoritariamente em alta nesta terça-feira, 8, no aguardo de novidades sobre as tratativas comerciais…


Os mercados acionários da Europa fecharam majoritariamente em alta nesta terça-feira, 8, no aguardo de novidades sobre as tratativas comerciais entre Estados Unidos e China, enquanto o euro foi pressionado por dados mais fracos do que o esperado da maior economia europeia, a Alemanha, e da zona do euro. O índice pan-europeu Stoxx-600 fechou em alta de 0,88%, aos 345,89 pontos.

Ainda sem um desfecho, a expectativa era de que as negociações comerciais entre as duas maiores economias do mundo fosse completada nesta terça-feira. Informações desencontradas, no entanto, apontam que as tratativas podem ter continuidade.

Fontes da agência de notícias Dow Jones Newswires afirmam que os dois lados ainda não estão prontos para um acordo, enquanto um dos membros da delegação americana em Pequim, Steven Winberg, disse à Reuters que as conversas estão indo bem até o momento e continuarão na quarta-feira.

Entre os indicadores, no entanto, o cenário não foi de otimismo. A agência de estatísticas Destatis informou forte queda na produção industrial alemã, de 1,9% de outubro para novembro, enquanto as previsões, por outro lado, apontavam para uma alta de 0,3%. Na comparação com novembro do ano anterior, a redução foi de 4,7%.

Além disso, o índice de sentimento econômico da zona do euro, que mede a confiança de setores corporativos e dos consumidores, caiu de 109,5 em novembro para 107,3 em dezembro, ao menor nível desde janeiro de 2017, segundo dados publicados nesta terça pela Comissão Europeia. Analistas previam queda menor do indicador, a 108,5.

Os resultados aquém dos indicadores pressionaram o euro, enquanto a libra recuou enquanto monitora informações do Brexit. Segundo o porta-voz da primeira-ministra Theresa May, James Slack, o governo planeja votar o acordo de saída no Parlamento do país no dia 15 de janeiro. Amanhã, os parlamentares devem confirmam a data da votação.

Em meio ao cenário, o FTSE 100, de Londres, subiu 0,74%, aos 6.861,60 pontos, enquanto o DAX, de Frankfurt, avançou 0,52%, para 10.803,98 pontos. Já o FTSE MIB, de Milão, encerrou o dia com ganho de 0,25%, aos 19.000,14 pontos, e o Ibex 35, de Madri, apresentou alta de 0,81%, a 8.8847,30 pontos. Em Lisboa, por outro lado, o PSI 20 recuou 0,29%, para 4.909,74 pontos.

Em Paris, o CAC 40 liderou os ganhos entre os índices europeus, com alta de 1,15%, aos 4.773,27 pontos. As ações da Airbus foram destaque e avançaram 3,70%, diante do anúncio de que a companhia atingiu sua meta de entregar 800 aeronaves comerciais em 2018. A empresa disse que vai publicar os números de pedidos e entregas na quarta-feira. (Com informações da Dow Jones Newswires)

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!