Latam diz estar empenhada em reduzir reclamações de clientes

A Latam Brasil vem trabalhando para diminuir substancialmente o número de reclamações recebidas por parte de consumidores, tendo inclusive formado…


A Latam Brasil vem trabalhando para diminuir substancialmente o número de reclamações recebidas por parte de consumidores, tendo inclusive formado uma equipe multidisciplinar com dedicação exclusiva para atuar na causa dos problemas relatados. “A companhia também tem fortalecido a capacitação de seus colaboradores para que possam atender e manter sempre o mesmo padrão de excelência, empenhada em prestar o melhor serviço aos seus clientes, cumprindo todas as exigências de atendimento, conforme a legislação vigente”, destacou a Latam Brasil, em posicionamento sobre o ranking divulgado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) nesta quinta-feira, 10.

A empresa foi a aérea brasileira que recebeu o maior número de reclamações de viajantes na plataforma virtual Consumidor.gov.br ao longo do terceiro trimestre de 2018, segundo dados divulgados pela agência reguladora do setor.

Entre julho e setembro, a Latam Brasil registrou 3.512 queixas na Consumidor.gov.br (ou 48,8% do total recebido para o período) para quase 8,8 milhões de passageiros pagos, o que corresponde a uma média de 40 ocorrências a cada 100 mil passageiros atendidos. Essa foi a pior média entre o grupo das brasileiras, que conta ainda com Avianca Brasil, Azul, Gol, MAP e Passaredo.

Quanto à resolução das demandas apresentadas pelos consumidores, a aérea se destacou positivamente no índice de solução (75,2%, ante média de 74,7%). No prazo de respostas (0 a 10 dias), a empresa atingiu uma média de 7 dias no período, ante a média de 6 dias entre as brasileiras. Já no indicador de satisfação dos usuários, a companhia ficou com 2,7 pontos na escala de 1 a 5, ante média de 2,8 pontos.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora