22 de setembro de 2020 Atualizado 23:50

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Economia

Juros rondam ajustes após abrirem em baixa com queda da produção industrial

Por Agência Estado

09 jan 2020 às 10:32 • Última atualização 09 jan 2020 às 11:08

Os juros futuros abriram em baixa e renovaram mínimas, com a leitura da queda de 1,2% da produção industrial de novembro que, no entanto, ficou dentro do esperado e logo depois as longas operavam estáveis, em meio ao avanço do dólar ante o real e nas mais curtas, a queda era de apenas um ou dois pontos-porcentuais. O exterior mais tranquilo ajuda a tirar pressão de alta, enquanto a expectativa com o leilão do Tesouro tende a exercer força contrária.

Às 10h27, a taxa do contrato do depósito interfinanceiro(DI) para janeiro de 2021 caía a 4,440%, de 4,455% no ajuste de ontem.

O DI para janeiro de 2023 recuava para 5,72%, na máxima e mesma do ajuste anterior. O DI para janeiro de 2025 estava em 6,42%, de 6,40% no ajuste de ontem.

Publicidade