24 de julho de 2024 Atualizado 22:12

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Economia

Com dados que recebemos, é provável que ajustes nos juros serão necessários, diz Daly, do Fed

Por Agência Estado

11 de julho de 2024, às 15h32

A presidente do Federal Reserve (Fed) de São Francisco, Mary Daly, sugeriu nesta quinta-feira, 11, que à luz da maioria dos dados recentes de inflação e do mercado de trabalho, está se sentindo mais confiante de que a flexibilização da política monetária pode ser mais apropriada mais cedo do que mais tarde.

“Com as informações que recebemos até o momento – que incluem dados de emprego, inflação, crescimento do PIB e perspectiva para a economia – eu vejo que é, provável, que alguns ajustes na política estarão assegurados”, afirmou Daly, em uma entrevista.

Mas Daly recusou-se em fornecer um prazo exato sobre o quando ela considera apropriado para o Fed reduzir as taxas de juros. “Nesta conjuntura, e eu já tinha me posicionado publicamente antes, eu acredito que estabelecer um panorama futuro, que incluiria o número e o momento de corte das taxas, não é a melhor opção”, disse. Para ela, definir em qual reunião o Fed reduzirá as taxas de juros não tem um efeito tremendo sobre a economia, e é mais importante entender como os dados afetam a tomada de decisão.

Daly, que vota nas decisões monetárias do Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) observou que está claro que os riscos para o duplo mandato do Fed de estabilidade de preços e pleno emprego estão mais equilibrados. A dirigente afirmou que a política monetária está funcionando, mas que ainda há “uma incerteza considerável sobre como a economia evoluirá”.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Publicidade