Calcule o novo desconto do INSS no seu salário

Calculadora disponibilizada pelo governo federal mostra quanto o contribuinte paga hoje à Previdência Social e quanto pagará a partir de 2020


A reforma da Previdência, aprovada no Senado nesta terça-feira, fará com que servidores públicos e trabalhadores da iniciativa privada com salários mais altos paguem mais à Previdência Social. Já quem ganha até R$ 2,5 mil mensais terá um alívio em seus salários.

O Portal de Serviços do governo federal disponibiliza uma calculadora para os que os segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) saibam com qual valor contribuirá a partir de 1° de fevereiro de 2020, quando as novas regras em vigor.

Clique aqui e calcule suas alíquotas de contribuição.

Na primeira tela, o internauta confirma se é do setor público ou privado. Depois, insere o quanto ganha por mês de salário. Por fim, recebe em uma tela o quanto paga hoje de alíquota e quanto pagará a partir do próximo ano.

O governo conseguiu aprovar novas alíquotas progressivas para a Previdência, que vão de 7,5% a 14%. Em casos especiais, de servidores que ingressaram na carreira até 2013 e têm direito à aposentadoria com valor maior que o teto do INSS (hoje em R$ 5.839,45), elas continuam avançando até chegar a 22%. A cobrança será feita por faixa de renda, como já acontece no Imposto de Renda.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp

Por trás da mudança, está o objetivo do governo federal de fazer com que “quem ganhe mais pague mais”. Quem ganha apenas um salário mínimo (R$ 998), por exemplo, passará a pagar uma alíquota de 7,5%, em vez da atual de 8%. O governo estima que cerca de 20 milhões de trabalhadores serão beneficiados com essa medida.

Ao contrário das mudanças nas regras de aposentadoria e pensão, que passam a valer imediatamente após a promulgação do texto, a mudança nas alíquotas só entra em vigor 90 dias após a promulgação.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

O Portal de Serviços também disponibiliza uma calculadora para você saber por quanto tempo terá que contribuir com o INSS para conseguir se aposentar nas novas regras da Previdência. Clique aqui e faça o seu cálculo.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora