06 de março de 2021 Atualizado 21:31

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cotidiano

PM é preso acusado de efetuar disparo que matou menina de 5 anos

Por Agência Estado

03 fev 2021 às 15:22 • Última atualização 04 fev 2021 às 10:42

Um policial militar foi preso acusado de ter efetuado o disparo que matou uma menina de cinco anos em Niterói, na região metropolitana do Rio, na terça-feira, 2. A prisão ocorreu após o PM prestar depoimento à Polícia Civil e apresentar contradições em relação a declarações de testemunhas e à perícia realizada no local.

Ana Clara Machado brincava com o irmão quando foi atingida por um disparo na Estrada do Monan Pequeno, no bairro de Badu. A Polícia Militar informou que, naquele momento, havia um confronto entre policiais do 12º BPM e criminosos da região.

A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) abriu inquérito e recolheu os fuzis de PMs envolvidos na ação. Os agentes também fizeram diligências e ouviram testemunhas para apurar se de fato havia um confronto entre policiais e criminosos naquele momento.

Os PMs envolvidos na ação foram ouvidos e, segundo a Polícia Civil, “houve a comprovação de contradições nas declarações dos policiais militares que, em cotejo com as declarações das demais testemunhas e da perícia realizada no local, resultaram na prisão em flagrante do policial militar que efetuou os disparos”. A PM, por sua vez, informou que “instaurou procedimento apuratório interno para apurar as circunstâncias da ação”.

O policial militar que foi preso foi conduzido à Unidade Prisional da Polícia Militar, em Niterói.

Desde a virada do ano, quatro crianças foram baleadas no Grande Rio, sendo que duas acabaram morrendo.

Publicidade