Manifestantes se reúnem ao redor da Candelária em ato contra governo no Rio


Centenas de pessoas se reúnem ao redor da igreja da Candelária, no centro do Rio de Janeiro, na tarde desta terça-feira, 13, em ato contra os cortes de verba na educação pública, a reforma da Previdência e a política econômica do governo federal.

Realizado simultaneamente em várias cidades brasileiras, o ato foi convocado pelas redes sociais pela União Nacional dos Estudantes (UNE), Central Única dos Trabalhadores (CUT) e outras entidades da sociedade civil.

No Rio, a maioria dos manifestantes são estudantes de escolas públicas. Às 16h30, lideranças estudantis discursavam em carro de som. A Polícia Militar observava, e o ato transcorria de forma pacífica.

Por volta das 18 horas, os manifestantes devem seguir em caminhada até a sede da Petrobras, também no centro do Rio.

Normalmente o ponto final das manifestações é a Cinelândia ou a estação férrea Central do Brasil, mas o destino foi alterado, segundo os organizadores, para que o ato sirva também como protesto contra a venda de ativos da petroleira estatal.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora