Mandetta: mandamos instalar 200 leitos de CTI


O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, informou que a pasta mandou instalar cerca de 200 leitos em Centro de Terapia Intensiva (CTI) e está procurando aumentar a capacidade no Brasil para atender casos do novo coronavírus.

Segundo o ministro, foram 80 no Estado de São Paulo, 40 no Rio de Janeiro, 30 no Rio Grande do Sul e 50 em Minas Gerais. Para Mandetta, “o Brasil tem um sistema de Saúde minimamente consolidado em cidades de grande porte”.

Segundo o ministro, cerca de 80% das pessoas infectadas pelo vírus não irão precisar de “absolutamente nada a não ser um antitérmico”. Do restante, o Ministério da Saúde calcula que de 14% a 15% precisarão de internação hospitalar e que, destes, de 4% a 5% precisarão de leito de CTI.

Mandetta ainda disse que as “cirurgias eletivas precisam ser suspendidas”. O ministro fez um pedido para que hospitais particulares permitam home care para que haja a liberação de leitos para casos que não sejam absolutamente necessários. O ministro comunicou que os pacientes crônicos devam ter receitas de medicamentos para cobrir um período de pelo menos seis meses, a fim de que permaneçam em casa.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora