Mandetta: Gostaríamos muito de saber como se deu a virose na sociedade de Pequim


O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse neste domingo, 22, que a ciência ainda precisa de mais tempo para entender melhor o novo coronavírus. Segundo ele, o vírus tem se mostrado “muito competente” na transmissão.

“A virose do coronavírus vai se apresentando e vemos como ela vai se dar em nosso território. Teve casos em Wuhan, e com o bloqueio de 30 dias tudo voltou ao normal. Mas não sabemos o que ocorreu em Pequim e gostaríamos muito de saber”.

Segundo ele, todos os países estão tomando medidas para reduzir a curva de contágio. Ele lembrou que no dia 26 de março completam 30 dias do primeiro caso identificado no País. “Nós medimos e vamos vendo como a doença evolui. Aos 30 dias, poderemos ter uma projeção melhor de como o vírus se comporta no País”, completou. “Acreditamos que estamos em todos os estados com algum grau de expansão e adequação da rede de saúde”.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora