21 de setembro de 2020 Atualizado 21:50

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Médium

Justiça condena João de Deus a mais 40 anos de prisão

Pena diz respeito a estupros de cinco mulheres; essa é a terceira condenação do acusado, cujas penas já somam 63 anos e quatro meses de reclusão

Por Agência Estado

20 jan 2020 às 19:00 • Última atualização 21 jan 2020 às 07:57

O médium João Teixeira de Faria, conhecido popularmente como João de Deus, foi condenado a 40 anos de reclusão em regime fechado por estupros, cometidos contra cinco mulheres durante atendimentos espirituais na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia.

A sentença é da juíza da comarca, Rosângela Rodrigues dos Santos. O processo está em segredo de Justiça. Essa é a terceira condenação do acusado, cujas penas já somam 63 anos e quatro meses de reclusão.

As informações foram divulgadas pelo site do Tribunal de Justiça de Goiás.

Publicidade