28 de outubro de 2020 Atualizado 08:14

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Educação

Governo de São Paulo irá subsidiar 161 mil computadores a professores

Serão investidos R$ 322 milhões no programa Professor Conectado; docentes pode receber até R$ 2 mil em 24 parcelas

Por Marina Zanaki

25 set 2020 às 15:33 • Última atualização 25 set 2020 às 18:05

O governador João Doria (PSDB) anunciou a liberação de R$ 2 mil para cada professor da rede estadual de ensino para a compra de um notebook. A medida foi anunciada na coletiva de imprensa desta sexta-feira (25) no Palácio dos Bandeirantes.

Com investimento total de R$ 322 milhões, o programa foi batizado de Professor Conectado. Serão beneficiados até 161 mil professores de todas as categorias.

O governo abrirá credenciamento para empresas interessadas em oferecer os equipamentos a preços mais baixos do que os praticados no mercado. Os professores poderão optar por um dos computadores oferecidos ou comprar um à sua escolha.

O valor de R$ 2 mil será depositado em sua conta corrente mediante adesão ao programa. Caso o profissional escolha um modelo mais caro do que o valor liberado, ele deverá arcar com a diferença.

Em contrapartida, o professor deverá participar de uma formação mensal sobre funcionalidades, além de utilizar os sistemas da Secretaria de Educação.

O decreto regulamentando o programa será publicado em outubro, e a adesão poderá ser feita a partir de novembro. O programa Professor Conectado terá duração de 24 meses.

“A inclusão digital está prevista no Plano Nacional de Educação, mas as lições que nos foram dadas durante o processo da pandemia pudemos aprender dos profissionais que a tecnologia será uma grande aliada, mesmo com o retorno presencial”, afirmou o secretário de Educação. Rossieli Soares.

Publicidade