Está em avaliação fechamento temporário da fronteira com outros países, diz Moro


O ministro de Justiça e Segurança pública, Sérgio Moro, afirmou que o governo federal avalia a possibilidade de fechar, temporariamente, as fronteiras com outros países para evitar a propagação do novo coronavírus no País. Na manhã desta quarta-feira, 18, o presidente Jair Bolsonaro participou, por videoconferência, de reunião com demais presidentes do Mercosul.

Até o momento, o País só restringiu a entrada de venezuelanos. De acordo com o ministro, a medida foi para evitar a propagação da doença no Brasil e para não sobrecarregar o sistema de saúde brasileiro. “O País não teria condições de absorver a demanda vinda da Venezuela”.

O ministro também anunciou que serão tomadas medidas em relação aos presídios. O governo federal irá fornecer insumos para prevenção da disseminação da doença entre os presos. O governo federal também recomendou aos Estados que as visitas sejam total ou parcialmente restringidas.

Moro também garantiu que o governo está preocupado com o policiamento, para garantir a segurança da população. “Nossa avaliação é que a segurança não pode parar, já que os criminosos não reduzem suas atividades por conta da epidemia”, afirmou.

O ministro também ressaltou que é esperado que todos os brasileiros compreendem a seriedade da conjuntura atual do País e sigam, sem pânico, as recomendações do Ministério da Saúde.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora