CPFL alerta sobre incêndios por curto-circuito em casas

Além de provocar acidentes, as instalações antigas e inadequadas podem elevar o valor da conta de luz; ouça as dicas da concessionária


Quando a fiação da casa é antiga ou está mal dimensionada, pode sofrer com sobrecarga de energia e colocar o imóvel em risco com a possibilidade de curto-circuito e até incêndio. Somente no ano passado, 537 incêndios por curto-circuito foram registrados em todo o País. Os dados são do Anuário Estatístico 2019, da Abracopel (Associação de Conscientização para os Perigos da Eletricidade).

O gerente de operações de campo da CPFL Paulista, Manoel Rizeuto, alerta para os perigos de uma fiação elétrica mal dimensionada. Em entrevista ao LIBERAL No Ar, transmitido pelas emissoras de rádio FM Gold (94,7) e VOCÊ (AM 580), ele detalhou como o sistema elétrico deve ser planejado.

A região Sudeste liderou o ranking regional, com 155 eventos, sendo que 26 resultaram em fatalidades.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora