21 de setembro de 2021 Atualizado 22:36

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cotidiano

Conass aponta que represamento de 63 mil casos no RS inflou dados desta sexta

Por Agência Estado

23 jul 2021 às 19:42 • Última atualização 23 jul 2021 às 21:22

Dados epidemiológicos sobre a covid-19 que estavam represados no Rio Grande do Sul contribuíram para aumentar o número de casos diários da doença reportados nesta sexta-feira, 23, pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Entre segunda e quinta-feira desta semana, o conselho reportou em média 36,8 mil casos diários. Entretanto, hoje, segundo divulgou o Conass, foram registrados 108.372 casos de covid-19 em 24h, segunda maior marca da pandemia. Destes, 62.891 mil teriam sido registrados pelo Rio Grande do Sul em datas anteriores, grande parte entre janeiro e julho deste ano, mas não haviam sido lançados no sistema. Ao todo, o Estado reportou nesta sexta, entre dados represados e novos, a ocorrência de 64.056 novos casos diários de covid-19 diagnosticados.

Em nota, o governo do Estado do Rio Grande do Sul afirmou que o acúmulo de registros se deve “ao fato de que o processo automatizado do painel da SES exigia que todo caso com resultado positivo tivesse um encerramento por parte dos municípios”. “Contudo, para dar maior transparência e celeridade à real situação epidemiológica, foi definido abolir a necessidade dessa marcação final. Com a alteração da regra que determina a inclusão de novos casos no painel, será possível conhecer, de forma mais oportuna, os casos positivos”, completou.

Publicidade