15 de julho de 2024 Atualizado 11:54

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cotidiano

Ciclista morre em Guarulhos após ser atingido por roda que se soltou de caminhão

Por Agência Estado

07 de julho de 2024, às 21h53 • Última atualização em 08 de julho de 2024, às 11h33

Um ciclista de 29 anos morreu no último sábado, 6, após sofrer um acidente causado por uma roda que se soltou de um caminhão que trafegava pela rodovia Ayrton Senna, na altura da cidade de Guarulhos, região metropolitana de São Paulo. Outro homem, de 44 anos, que também estava de bicicleta, foi atingido e ficou ferido.

Em nota, a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) informou que o caso aconteceu no período da manhã, por volta de 6h50. “Um caminhão trafegava na faixa 4 do Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto (SP-070), quando uma de suas rodas se soltou, atravessou a defensa metálica e atingiu dois ciclistas.”

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-SP), o rapaz chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal Vereador José Storopolli, na zona leste de São Paulo, mas não resistiu e morreu na unidade. A outra vítima foi levada para o Hospital e Maternidade São Luiz Anália Franco. O estado de saúde dela não foi informado.

Para o atendimento, foram deslocados recursos da concessionária Ecopistas, da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e do Corpo de Bombeiros.

O motorista do caminhão passou pelo teste do bafômetro, que resultou negativo para a ingestão de álcool, informou a SSP. O caso foi registrado como lesão corporal culposa na direção de veículo automotor no 1° DP de Guarulhos, e a morte do rapaz, registrada no 73° DP (Jaçanã).

O caminhão de onda a roda teria se soltado faz parte da frota da empresa Sustentare, que presta serviços de limpeza urbana para a Prefeitura de Guarulhos. Em nota, a concessionária diz que lamenta o ocorrido e que está prestando assistência aos envolvidos.

A Sustentare afirma ainda que o caminhão acidentado é novo, “ano 2022/2023” e que se encontra “com a manutenção em dia”. “Os fatos estão sendo apurados pelo consórcio e pela perícia técnica”, informou a empresa.

Publicidade