‘Charlie Hebdo’ chega ao Brasil na segunda

Jornal lançado após o atentado terrorista será comercializado por R$ 29,90 e virá em francês


A edição histórica do satírico jornal francês Charlie Hebdo, que foi lançada logo após o atentado terrorista que deixou 12 funcionários mortos, chegará ao Brasil na próxima segunda-feira, dia 26 de janeiro, com preço previsto de R$ 29,90. A Dinap fará a distribuição do conteúdo e programou a impressão de 10 mil exemplares. O material não será traduzido e virá em francês.
[\img]A edição estará disponível em três grandes livrarias do país e nas principais bancas de São Paulo, Rio de Janeiro e outras 15 capitais.

Bruno Tortorello, diretor geral da Dinap, explica que as negociações para trazer o jornal para o Brasil tiveram início há uma semana, quando houve intensa movimentação nos pontos de venda de todo o país com clientes a procura de um exemplar. “Os brasileiros estão cada vez mais engajados e, com a chegada da edição histórica do Charlie Hebdo, eles terão acesso a esta grande mobilização mundial pela liberdade de expressão.”

A edição do jornal, lançado em 14 de janeiro na França, trouxe como capa uma caricatura de Maomé segurando uma placa que diz “Eu sou Charlie” e o título “Tudo está perdoado”. Com tiragem inicial de três milhões de exemplares, foi traduzida para 16 idiomas e teve seus exemplares esgotados em toda a França.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!