Blocos reuniram 450 mil pessoas nesta segunda no Rio


No quarto dia de desfile de blocos na cidade do Rio nesta segunda, 24, o destaque foi o Sargento Pimenta. O grupo, no Aterro do Flamengo, zona central carioca, atraiu 340 mil foliões pela manhã e início da tarde. A marca dessa festa é a interpretação das músicas dos Beatles em ritmo de carnaval, com o predomínio de instrumentos de percussão.

Ao todo, os blocos do Rio reuniram cerca de 450 mil pessoas na segunda, segundo a Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur). O bloco Corre Atrás, que neste ano completa seis anos de brincadeira nas ruas do Leblon, zona sul, atraiu 80 mil pessoas. Atrás do Que Pena Amor foram 10 mil; no Vem Cá, Minha Flor, 9 mil; no Bloco da Segunda, 8,5 mil; no Bloco Virtual, 6 mil; e no Batucada Abençoada, 2 mil.

Pelo centro e bairros da zona sul, poucos são os locais onde não há folião brincando o carnaval. Por todos os lados, é possível encontrar um bloco, de maior ou menor porte, apropriado ao gosto de cada um.

“Prefiro os blocos que ficam parados, com palco, para não correr o risco de acabar prensada numa rua mais estreita”, disse a consultora de comunicação Aline Salgado. Ela começou a segunda-feira de carnaval acompanhada de um grupo de amigos no Dinossauros Nacionais, que toca apenas rock nacional, ritmo batizado de ‘rockcarnaval’.

Outra preocupação permanente, principalmente onde há mais aglomerações, é com a segurança – há furtos de celulares. O carnaval carioca de 2020 também está sendo marcado pela chuva. Mas o tempo não chegar a ser um problema. “É melhor do que ficar debaixo de sol”, brincou Aline.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora