15 de agosto de 2019 Atualizado 09:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Futebol

Barcelona admite interesse em Rabiot, mas nega ter acordo com volante

Adrien Rabiot interessa ao Barcelona, mas o clube não fechou qualquer acordo com o jogador ou está realizando uma negociação…

Por Agência Estado

30 dez 2018 às 12:16 • Última atualização 30 dez 2018 às 17:02

Adrien Rabiot interessa ao Barcelona, mas o clube não fechou qualquer acordo com o jogador ou está realizando uma negociação com ele. Foi o que assegurou neste domingo a equipe catalã, explicando que apenas manifestou o seu desejo de iniciar conversas para contratar o jogador junto ao Paris Saint-Germain.

“Diante das notícias surgidas na França, o FC Barcelona afirma que não violou qualquer regulamento relativo à contratação de jogadores do PSG. Os únicos contatos foram realizados no mês de agosto e agora há uma semana. Em ambos os casos, os contatos foram feitos com as autoridades esportivas do PSG para mostrar o interesse do FC Barcelona no jogador Adrien Rabiot”, afirmou o Barcelona em comunicado divulgado em seu site oficial.

O Barcelona também acrescentou que pretende manter uma postura de transparência em suas negociações no mercado de transferências. E reiterou não ter um acerto com Rabiot. “O FC Barcelona sempre quis trabalhar com a máxima transparência com o PSG e com qualquer outro clube. O FC Barcelona nega a existência de qualquer tipo de acordo com o jogador do PSG Adrien Rabiot”, concluiu o clube espanhol.

A nota do Barcelona teve o intuito de negar informações divulgadas neste fim de semana pela imprensa francesa de que o clube estaria negociando com Rabiot sem ter o aval do PSG, com quem o jogador possui contrato apenas até 30 de junho de 2019. Isso significa, inclusive, que ele poderá assinar com outro clube a partir de janeiro para se transferir gratuitamente ao fim da temporada 2018/2019.

E o jogador indiciou não ter interesse em ampliar o seu vínculo, o que levou a direção do PSG a afastá-lo do elenco principal após o fim da participação do clube na fase de grupos da Liga dos Campeões.