Diretoria do Corinthians mantém a cautela para negociar jogadores


No Corinthians, a estratégia para o início da temporada de 2015 é ser cauteloso na hora de liberar a saída de jogadores. O Flamengo sondou Jadson, mas a diretoria prefere ter a certeza que vai contratar algum reforço antes de permitir a transferência do meia para o clube carioca.

Neste caso, seria a chegada do argentino Conca, do Fluminense. A diretoria do time das Laranjeiras já reclamou de o Corinthians ter procurado a Unimed, agora ex-parceira, e não o clube para tentar contratar o meia.

Em 2015, o Corinthians jogará quatro competições: Campeonato Paulista, Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil (entra apenas na fase de oitavas de final). A estreia na temporada será no dia 1.º de fevereiro, pelo Paulistão, contra o Marília, em casa.

Antes dos jogos oficiais, o Corinthians terá uma pré-temporada cheia. A reapresentação dos jogadores será em 7 de janeiro e dois dias depois o elenco viajará para Fort Lauderdale, no estado da Flórida, nos Estados Unidos, onde fará um período de 10 dias de treinamentos. Neste intervalo, jogará duas vezes contra equipes da Alemanha – dia 15 contra o Bayer Leverkusen e, dois dias depois, contra o Colônia.

Na volta ao Brasil, mais treinos e um possível amistoso contra o Corinthian Casuals, clube inglês que inspirou os fundadores do clube, em 1910, a dar o nome do time. O jogo aconteceria no dia 24 de janeiro, no Itaquerão.

Na Libertadores, se passar pelo Once Caldas, da Colômbia, na fase preliminar, o Corinthians vai fazer o seu primeiro jogo no Grupo 2 contra o São Paulo. Pela tabela divulgada na última segunda-feira pela Conmebol, o clássico seria no dia 18 de fevereiro, Quarta-Feira de Cinzas, no estádio Itaquerão.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora