Dicas para curtir o carnaval de rua de Belo Horizonte

Bastante recomendada pela culinária local e pelos museus de arte da cidade, Belo Horizonte também tem sido reconhecida pelo carnaval de rua


Bastante recomendada pela culinária local e pelos museus de arte da cidade, Belo Horizonte também tem sido reconhecida pelo carnaval de rua, que cresceu significativamente nos últimos anos e hoje atrai milhares de turistas especialmente para a folia.

Pensando nisso, a Booking.com separou algumas dicas para quem pretende curtir os festejos na capital mineira e, quem sabe, ainda aproveitar para conhecer os principais pontos turísticos da cidade.

Foto: Nathalia Torres - Acervo Belotur
Carnaval de BH tem se tornado cada vez mais famoso em todo o Brasil

Onde estão os blocos

Até o dia 18 de fevereiro, 480 blocos de rua cadastrados farão um total de 550 cortejos, com grande concentração de desfiles na região Centro Sul, que inclui os bairros tradicionais como a Savassi, Lourdes e Funcionários, bem como o Circuito Cultural da Praça da Liberdade, entre outros marcos da cidade.

Cortando diversos destes bairros está a Avenida Afonso Pena, onde desfilarão os blocos caricatos e as escolas de samba de Belo Horizonte.

Para todos os gostos

Então, Brilha!, Baianas Ozadas, Havayanas Usadas, Majericão, Angola Janga, Me Beija Que Sou Pagodeiro, É o Amô, Bloco da Calixto, Unidos do Samba Queixinho… A criatividade rola solta nos nomes dos diversos blocos de rua e cada um destaca um estilo musical, do samba ao sertanejo.

Assim, há espaço e diversão para todos os gostos, inclusive para os mini-foliões, que podem pular e brincar bastante em blocos como o Carnasambinha, Bailinho do Memorial e o Bloco da Oca.

Palcos oficiais

Há também opções de festejos nos diferentes palcos oficiais que estarão distribuídos pela Praça da Estação, Rua Guaicurus, Avenida Brasil, Parque Municipal, Avenida Deputado Álvaro Antônio, Avenida Vilarinho, Via 240 e Avenida Belém.

O que visitar

Apesar da folia, Belo Horizonte tem muitos atrativos que valem a visita. Por exemplo, com mais de 400 lojas, o Mercado Central é um dos pontos comerciais mais procurados de Belo Horizonte e consegue unir compras ao lazer e à diversão, oferecendo queijos, doce, artesanato, ervas, raízes, artigos religiosos, e as praças, como a da feijoada e a do abacaxi.

Circuito Cultural da Liberdade, Praça do Papa, Conjunto Arquitetônico da Pampulha e Parque Municipal também oferecem ótimos momentos junto aos amigos e familiares durante a viagem.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!