Na hora da escolha, prefira os assados!

Assar carnes e legumes pode ser a melhor maneira de você preparar os alimentos para sua família


Frito, cozido ou assado. As maneiras de se preparar um alimento podem variar bastante e cada modo tem seus prós e contras. Colocando na balança, assar carnes e legumes, por exemplo, é a melhor forma de preparo para as refeições, segundo Elizabeth Machado, nutricionista docente da Faculdade de Saúde Pública da USP (Universidade de São Paulo).

De acordo com a especialista, quem está sempre de dieta e em busca de uma alimentação regrada, pode apostar nos assados. Eles dispensam o uso de gordura adicional, já que cozinham na sua gordura natural. “Isso garante uma receita saborosa com os nutrientes dos próprios ingredientes”, esclarece Elizabeth.

Foto: Freeimages.com
Prefira os alimentos assados na hora de preparar suas refeições

Engana-se quem pensa que os alimentos perdem sabor ao serem assados. “É possível assar alimentos sem alterar a textura ou o sabor”, ressalta a especialista. O uso de sacos para assar, por exemplo, evita o ressecamento dos ingredientes, deixando-os macios e suculentos, pois a embalagem impede a perda do líquido, e o vapor formado conserva calor para o cozimento e a preservação dos aromas.

Além disso, assar um alimento pode ser mais prático e seguro do que fritar, por exemplo. Dispor os gêneros em uma assadeira ou refratário faz com que a pessoa não tenha contato direto com o fogo. “É possível ainda assar a carne e os legumes ao mesmo tempo, tornando o sabor mais integrado, harmonioso, pois seus líquidos se misturam”, disse.

DICAS PARA A COZINHA

1 – Grelhar em uma chapa quente, por exemplo, é muito rápido, mas dependendo da composição, tamanho e espessura da porção, pode deixá-la bem passada por fora, mas crua por dentro.

2 – Se quiser uma carne mal passada, ela deverá ser rósea e não totalmente vermelha por dentro, pois terá a textura rígida e com risco para consumo. No caso dos legumes, se crus internamente, estes não são aproveitados pelo organismo.

3 – No caso da fritura, o processo deve ser realizado em altas temperaturas. Se o alimento for grande e o período de contato com o óleo for por bastante tempo, isto pode tornar a preparação encharcada de gordura.

4 – Para os grelhados, o ideal é utilizar um recipiente antiaderente, para que o alimento não grude e que não seja necessário incluir azeite ou qualquer outro tipo de gordura.

Fonte: Elizabeth Machado, nutricionista

 

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter