01/10/2013 09:19

/ Última Atualização 01/10/2013 09:20

Walter Duarte

Nova Odessa anuncia construção de UPA 24h

Em parceria com o Ministério da Saúde, investimento previsto na unidade é de R$ 2,2 milhões

A Câmara de Nova Odessa aprovou ontem um projeto de lei que abre crédito de R$ 3,2 milhões no orçamento do município para a formalização de um convênio com o Ministério da Saúde. O dinheiro será usado para a construção de duas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e a primeira UPA (Unidade de Pronto Atendimento) 24 horas da cidade. O projeto entrou em regime de urgência na sessão do Legislativo após a Prefeitura receber sinal verde do governo federal.

Segundo a secretária de Saúde do município, Rosa Maria Sacilotto, a unidade de urgência e emergência será implantada em uma área do bairro Santa Rita 2 e vai atender principalmente aos moradores do Jardim Alvorada, Capuava e Residencial Klavin.

"Essa é uma região que concentra quase um terço da população de Nova Odessa. A UPA terá um pediatra e um clínico geral 24 horas, sala de urgência e sala de observação", explica. O investimento previsto é de R$ 2,2 milhões. A expectativa da administração é, com a inauguração do novo equipamento, desafogar o atendimento no pronto-socorro do Hospital e Maternidade Municipal Dr. Acílio Carreon, que hoje atende a toda demanda da cidade.

O planejamento inclui ainda o espaço para a instalação de uma base do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), em discussão a nível regional. "Escolhemos esse local pensando nisso. O Samu vai sair, mais cedo ou mais tarde, e temos espaço ao lado da UPA para instalá-lo", completa.

Para as UBS, o convênio prevê um gasto de R$ 512 mil cada. Elas serão construídas nos bairros Jardim Marajoara e Residencial Fibra, empreendimento recém-inaugurado do programa Minha Casa Minha Vida.

O envio de qualquer comentário
é de responsabilidade do usuário.