Com dano cerebral, Nicky Hayden segue em estado gravíssimo após ser atropelado

O campeão da MotoGP de 2006, Nicky Hayden, continua internado em estado gravíssimo desde a última quarta-feira, depois de ser…


O campeão da MotoGP de 2006, Nicky Hayden, continua internado em estado gravíssimo desde a última quarta-feira, depois de ser atropelado por um carro enquanto treinava com uma bicicleta na cidade de Misano Adriatico, na Itália.

Em comunicado emitido nesta quinta, o Hospital Maurizio Bufalini, de Cesena, onde o piloto norte-americano está internado, informa que a condição de Hayden segue extremamente crítica. “Ele ainda está na Unidade de Terapia Intensiva do hospital. Sofreu um sério politraumatismo e dano cerebral”.

Nas redes sociais, o hexacampeão da MotoGP, Valentino Rossi, publicou nesta quinta uma mensagem de apoio a Hayden. “Nicky é um dos melhores amigos que tive no paddock.

Liberal Motors – BC

Seu olhar de apoio de dentro do capacete é um dos poucos memórias positivas que tenho do GP de Valência de 2015″, escreveu o italiano, em referência à última prova daquela temporada, em que ele perdeu o título para o espanhol Jorge Lorenzo. “Força, Nicky. Estamos todos com você!”, completou Rossi.

A equipe de Hayden, a Red Bull Honda, informou em seu site oficial que o piloto está acompanhado pela esposa, pelo irmão e pela mãe, que chegaram à Itália na manhã desta quinta-feira. Ele estava na Itália para participar da etapa de Ímola do Mundial de Superbike, disputada no fim de semana passado. Atualmente, Hayden ocupa a 13ª colocação da temporada desta categoria da motovelocidade.

Na MotoGP, o norte-americana competiu entre 2003 e 2015 de forma consecutiva e disputou uma prova da categoria em 2016, quando substituiu o australiano Jack Miller por motivo de lesão.