Vitor Bueno elege gol contra o The Strongest como o mais importante da carreira

O atacante Vitor Bueno elegeu o gol que marcou contra o The Strongest, na quarta-feira passada, em La Paz, no…


O atacante Vitor Bueno elegeu o gol que marcou contra o The Strongest, na quarta-feira passada, em La Paz, no empate em 1 a 1 que classificou o Santos antecipadamente para a próxima fase da Copa Libertadores, como o mais importante da carreira até agora. Na ocasião, o time brasileiro estava com um jogador a menos desde o primeiro tempo – Bruno Henrique foi expulso – e foi buscar a igualdade nos 3.660 metros de altitude da capital boliviana.

“Foi o meu gol mais importante aqui no Santos até o momento, por ter sido o gol que classificou a equipe. Mas temos que enaltecer o grupo. O gol foi meu, mas foi todo mundo que brigou, que construiu a jogada, então todos estão de parabéns pelo esforço e pela dedicação”, disse.

Vitor Bueno, de 22 anos, iniciou no futebol no Botafogo de Ribeirão Preto, cidade onde nasceu, no interior de São Paulo. O jogador foi contratado para atuar pelo Santos B em 2015. Ele destacou este período como fundamental para a transição entre um clube de menor expressão e outro considerado um dos gigantes do Brasil. O atleta também fez um agradecimento ao técnico Dorival Júnior.

“Quando cheguei, eu sonhava em estar no profissional. Mas admito que as coisas aconteceram mais rápido do que eu imaginava. Como ter sido a revelação do Brasileirão, por exemplo. O meu período do time B foi importante para eu me adaptar, porque nunca tinha jogado em um time grande então quando eu cheguei aqui, demorou um pouco para a ficha cair. Depois, subi para o profissional e agradeço o Dorival, que soube a hora certa de me lançar na equipe”, contou o meia.

Bueno poderá estar entre os titulares do Santos na partida deste sábado, às 16 horas, na Vila Belmiro, diante do Coritiba, pela segunda rodada do Brasileirão. O time deverá ser definido pelo treinador Dorival Júnior no treino que será realizado na tarde desta sexta-feira, no CT Rei Pelé.