Thiago sofre fratura no punho e deve desfalcar Flamengo na Copa do Brasil

A difícil escolha do técnico colombiano Reinaldo Rueda sobre o goleiro titular da decisão da Copa do Brasil pode ter…


A difícil escolha do técnico colombiano Reinaldo Rueda sobre o goleiro titular da decisão da Copa do Brasil pode ter ficado um pouco mais tranquila. A razão, contudo, não é das melhores. Neste sábado, Márcio Tannure, chefe do departamento médico do Flamengo, informou que Thiago sofreu uma fratura no punho esquerdo e deve desfalcar o time no segundo jogo da final, contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte, no dia 27.

Thiago relatou dores no punho após o treino de sexta-feira, foi medicado e reavaliado neste sábado. Após o departamento médico realizar exames complementares, diagnosticou-se uma fratura no osso escafoide. A previsão de retorno, no entanto, ainda é incerta. A princípio, o clube não optará pela cirurgia.

“É um tipo de fratura em que o tratamento é conservador, mas em muitos casos pode se reverter com uma conduta cirúrgica se não tiver o resultado desejado. Inicialmente vamos tratá-lo de maneira conservadora e avaliar a evolução, não descartando uma cirurgia se não tivermos o resultado que a gente espera. Vamos seguir avaliando dia a dia”, explicou Tannure em comunicado.

Sem contar com Diego Alves, que não está inscrito na Copa do Brasil, Rueda optou por escalar Thiago no primeiro duelo contra o Cruzeiro, mas ele falhou no gol de empate por 1 a 1. Se ele for mesmo vetado, a única opção será Alex Muralha, que passou de titular à terceira opção após errar seguidamente nos últimos meses.

Mas esse pode não ser o único desfalque do Flamengo para a final. O meia Éverton sofreu uma lesão muscular no empate da última quarta-feira diante da Chapecoense, pela Copa Sul-Americana, e também se tornou dúvida para a final da Copa do Brasil.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter